quinta-feira , julho 20 2017
Home / Saúde / Confira o calendário de vacinação contra a gripe

Confira o calendário de vacinação contra a gripe

A secretaria de Saúde informa que as Unidades Básicas de Saúde (UBS) já começaram a Campanha de Vacinação contra a Influenza (gripe). Este ano os professores da rede pública e privada também foram incluídos no grupo de risco.
A campanha, iniciada no dia 10 de abril, está acontecendo em cinco etapas, nas quais serão vacinadas pessoas dos grupos de risco, sendo eles: trabalhadores de saúde dos serviços públicos e privados, idosos acima de 60 anos, gestantes, puérperas, crianças de seis meses a menores de cinco anos, indígenas, comorbidades (doenças crônicas respiratórias, do coração, com baixa imunidade, entre outras) e professores.
A partir desta segunda-feira, 17, as UBS começaram a vacinar os idosos acima de 60 anos, conforme o calendário a seguir: Etapa 1 (a partir do dia 10/04)- Trabalhadores de saúde dos hospitais; Etapa 2 (a partir do dia 17/04)- Trabalhadores de saúde dos serviços públicos e privados e as pessoas com 60 anos ou mais de idade; Etapa 3 (a partir do dia 24/04)- Gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), crianças de seis meses a menores de cinco anos e indígenas; Etapa 4 (a partir do dia 02/05): Comorbidades; Etapa 5 (a partir do dia 08/05): Professores e todos os outros grupos anteriores e 13/05, sábado: Dia “D”.
O Ministério da Saúde alerta à população para que não se vacine em cima da hora. É importante se imunizar antes da chegada do inverno, pois a vacina demora quinze dias para garantir efeito. Os postos de saúde funcionam de segunda a sexta, das 7h30 às 17h.
ESTADO DE SP- Em São Paulo, o público-alvo da campanha é de aproximadamente 12,6 milhões de pessoas. Em todo o país, 54,2 milhões de pessoas devem ser vacinadas até o dia 26 de maio. Para isso, serão distribuídas, ao todo, 60 milhões de doses da vacina, sendo 13,8 milhões para o estado. A meta do Ministério da Saúde é vacinar, pelo menos, 90% da população prioritária, considerada de risco para complicações por gripe.
A novidade deste ano é que os professores passam a fazer parte do público-alvo da campanha. Cerca de 2,3 milhões de professores das redes pública e privada deverão ser vacinados. Também foi lançada campanha publicitária com o slogan “Vacine-se. Deixe a gripe pra lá”, tendo como padrinho o sambista Martinho da Vila.
O objetivo do Ministério da Saúde é vacinar 90% desta população, considerada de risco para complicações por gripe. A meta de vacinação deste ano aumentou devido aos índices alcançados nos últimos anos, que ultrapassaram 80%. Em 2016, inclusive, foi o primeiro ano que este índice ultrapassou 90%, atingindo 93,5% de cobertura vacinal.
PREVENÇÃO – A transmissão dos vírus influenza acontece por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também ocorre por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz). À população em geral, o Ministério da Saúde orienta a adoção de cuidados simples como medida de prevenção para evitar a doença, como: lavar as mãos várias vezes ao dia; cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar; evitar tocar o rosto; não compartilhar objetos de uso pessoal; além de evitar locais com aglomeração de pessoas.

Movimento para vacinação deve aumentar ainda mais nos próximos dias
Movimento para vacinação deve aumentar ainda mais nos próximos dias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *