domingo , abril 23 2017
Home / Saúde / Febre amarela: 11.200 pessoas foram vacinadas em mutirões

Febre amarela: 11.200 pessoas foram vacinadas em mutirões

Após a Prefeitura ter informado que não ampliaria a vacinação contra a febre amarela além dos bairros já percorridos, na quinta-feira, 13, ressaltou que ampliaria para toda a população bragantina devido o quadro atual da doença. Porém, ontem informou que por enquanto apenas o Centro de Saúde “Dr. Lourenço Quilicci”, no bairro do Lavapés, está aplicando as vacinas e que a secretaria de Saúde ainda está planejando abrir novos postos de vacinação contra a febre amarela para atender a demanda da zona urbana.
Na manhã de quinta-feira, 12, a Prefeitura informou que mais dois macacos foram encontrados mortos na cidade. Um foi confirmado com febre amarela no bairro Araras dos Cardoso e outro encontrado morto no Campinho ainda está sob análise.
Segundo a secretaria de Saúde, por conta de reclamações sobre a demora no processo de vacinação, a secretária esclarece que a vacina contra a febre amarela tem algumas contraindicações, não permitindo que algumas pessoas sejam vacinadas. “Deve-se preencher um formulário no qual presta-se as informações necessárias para preservar a saúde de cada um, não é simplesmente chegar e vacinar como acontece na campanha da gripe. Peço que a população da zona rural fique tranquila porque nós chegaremos a todos”, disse a secretária Marina de Oliveira.
Pacientes que possuem doenças crônicas, do coração, com baixa imunidade, entre outras, e idosos com mais de 60 anos ou com problemas de saúde precisam de um laudo médico para se vacinarem. Pede-se que crianças até seis meses e gestantes também não se vacinem, exceto aquelas que estão próximas às áreas monitoradas.

Prefeitura ainda está planejando estender a vacinação para toda a população
Prefeitura ainda está planejando estender a vacinação para toda a população

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *